Artigos de: Ednardo Benevides

O habeas corpus de Lula no TRF-4: os caminhos políticos ao lado dos caminhos jurídicos do Brasil

É lamentável senhores o que ocorreu no último domingo (08) de julho. Se havia alguma dúvida de que o Direito se desatrelou dos julgamentos em nosso país, essa dúvida não mais existe. Dúvida que não existe mais também é aquela que é chancelada com a certeza da fragilidade, do distanciamento e do descompasso das instituições jurídicas existentes no Brasil. Como afirmei em minha última coluna, falta segurança, falta segurança jurídica. Assistimos (bestializados, como sempre) uma batalha que já tem um…read more →

Brasil: atual conjuntura e eleições

A eleição de outubro promete ser a mais aguardada e a mais disputada da história do Brasil. O motivo? Além de ninguém mais aguentar mais essa política, que se vê ameaçada, os brasileiros anseiam para respostas urgentes. Fato é que os eleitores estão fartos do centrismo que colocou o país nesse lamaçal sem fim, e se vendo completamente desolados e sozinhos, saem finalmente do pensamento de votar no “menos ruim”. Não se pode flertar com o tortuoso, com o erro,…read more →

Temer fica. E agora Brasil?

Com o placar de 263 votos a favor e 227 contra, o relatório da CCJC (Comissão de Constituição e Justiça de Cidadania) de autoria do deputado Paulo Abi-Ackel (PSDB-MG) que recomendava a rejeição da Denúncia feita pela PGR (Procuradoria Geral da República) contra o atual Presidente da República teve seu prosseguimento negado pelo pleno da Câmara dos Deputados na última quarta-feira (2). Em caso de aprovação, o Presidente Michel Temer seria afastado de seu cargo por 180 (cento e oitenta)…read more →

Fora Temer não é volta Lula!

Parecia claro, mas não. Exigir a saída do Temer não é volta Lula. Acredita-se que essa ilógica conclusão seja por conta da manada barulhenta arruaceira defensora do petista decadente. Engano. Para nosso sossego, nem todos brasileiros o são. Como escrevi em outro breve comentário, a saída do Temer não fortalece a esquerda, é exatamente ao contrário. A manutenção de Temer, o solitário, débil, fraco, titubeante, tortuoso, inseguro, distante, sonhador é que fortalece a esquerda, seus caudilhos, populistas e demagogos hipócritas…read more →