Ideologia de Gênero

O cristão, o casamento gay e o fim dos tempos

A Suprema Corte dos Estados Unidos acabou de aprovar o casamento de pessoas do mesmo sexo em todos os cinquenta estados americanos. A prática já era aceita na maioria dos estados, porém, treze estados (onde há mais evangélicos conservadores) ainda proibiam a prática. Agora, com a decisão da Suprema Corte, todos os cinquenta estados americanos são obrigados a aceitar o casamento de pessoas do mesmo sexo. Essa sem dúvida é uma decisão emblemática, tratando-se do país mais “evangélico” do mundo….read more →

1 milhão de italianos dizem ‘não’ a ideologia de gênero

ROMA (ZENIT.org)- 22 jun. 2015 – Grande sucesso da manifestação “Defendamos os nossos filhos”, na praça de São João de Latrão. Mais de um milhão de pessoas estiveram presentes na tarde do dia 20 de junho de 2015, como informou entusiasticamente, do palco, Massimo Gandolfini, presidente do Comitê organizador. O evento, muito esperado, nasceu das bases, em menos de 20 dias, pelo “boca a boca” nas redes sociais, sem intenções partidárias ou confessionais, sem muita publicidade. Uma fórmula que, porém, funcionou….read more →

A inserção da ideologia de gênero depois do Plano Nacional de Educação

As expressões “gênero” ou “orientação sexual” referem-se a uma ideologia que procura encobrir o fato de que os seres humanos se dividem em dois sexos. Esta corrente ideológica afirma que as diferenças entre homem e mulher, além das evidentes implicações anatômicas, não correspondem a uma natureza fixa, mas são produtos de uma cultura de um país ou de uma época. Assim, as pessoas que adotam o termo gênero insistem na necessidade de “desconstruir” a família, o matrimônio e a maternidade…read more →

Hillary Clinton declara abertamente uma guerra contra a religião

04.05.2015 – A democrata afirma que o governo deve usar “recursos coercitivos para redefinir os dogmas” “Os códigos culturais profundamente enraizados, as crenças religiosas e as fobias estruturais precisam mudar. Os governos devem empregar seus recursos coercitivos para redefinir os dogmas religiosos tradicionais”. Esta declaração ditatorial foi feita pela candidata democrata à presidência dos Estados Unidos, Hillary Clinton, durante uma conferência sobre feminismo no Lincoln Center de Manhattan, conforme publicado pelo jornal espanhol La Gaceta. A candidata, que defende o…read more →

Simone de Beauvoir: nazista, pedófila, misândrica e misógina

Conforme os setores não feministas da sociedade vão se tornando cada vez mais expressivos e claros, os setores ainda não conscientes da natureza venenosa dessa ideologia reagem com um conjunto de argumentos que apenas revelam que a realidade fatual não é ainda inteiramente conhecida pelo público. Algum tempo atrás, um grupo de feministas de cafeteria tentava me convencer que o feminismo não é tão mau quanto eu digo que é e que se eu apenas lesse mais sobre feminismo, eu…read more →

Elton John lidera movimento gay contra Dolce & Gabbana

Dolce & Gabbana é uma famosa grife, com sede em Milão, na Itália, e uma das mais renomadas do mundo. Ambos os fundadores da grife, Domenico Dolce e Sttefano Gabbana, estão envolvidos no centro de uma campanha de boicote promovida pelo cantor inglês Elton John. O motivo? Declarações um “tanto tradicionais” por parte dos estilistas, que, notem, são homossexuais. Em entrevista concedida à revista semanal Panorama, os estilistas declararam que defendem a família tradicional. “Você nasce de uma mãe e de um pai…read more →

Duríssimo golpe contra a “ideologia de gênero” nos países nórdicos

O Conselho Intergovernamental de Cooperação Nórdico, do qual fazem parte Noruega, Suécia, Finlândia, Dinamarca e Islândia, decidiu deixar de financiar o Instituto Nórdico de Pesquisas de Gênero, o NIKK, após o jornalista, comediante e sociólogo, Harald Eia, rodar um longo, genial e devastador documentário, “Hjernevask” (“Lavagem de Cérebro”), que mostrou a manipulação e a falta de base científica da “ideologia de gênero”, base “intelectual” do feminismo agressivo. Harald estava intrigado com o fato de porque, apesar de todos os esforços…read more →

O experimento mais polêmico da história da psicologia, o caso de David Reimer

Esta história é digna dos clássicos de terror do cinema. No entanto, aconteceu de verdade e abunda no experimento considerado como “o mais cruel da história da psicologia”. Trata-se da história do canadense David Reimer, que foi castrado acidentalmente quando tinha apenas 8 meses de idade e logo após passou por um tratamento experimental para uma re-atribuição de gênero que incluía a remoção de seus testículos e a criação de uma vagina. Os gêmeos univitelinos David e Brian Reimer nasceram…read more →

Cem anos de pedofilia

Na Grécia e no Império Romano, o uso de menores para a satisfação sexual de adultos foi um costume tolerado e até prezado. Na China, castrar meninos para vendê-los a ricos pederastas foi um comércio legítimo durante milênios. No mundo islâmico, a rígida moral que ordena as relações entre homens e mulheres foi não raro compensada pela tolerância para com a pedofilia homossexual. Em alguns países isso durou até pelo menos o começo do século XX, fazendo da Argélia, por…read more →

12