Irmandade Muçulmana

Crise dos refugiados: a hipocrisia dos países árabes-islâmicos ricos

1. A atual crise dos refugiados que fogem da guerra na Síria e de outros conflitos no Médio Oriente e Sul do Mediterrâneo (Iraque, Afeganistão, Líbia, etc.) tem provocado intermináveis discussões e profundas divisões entre os europeus. O assunto é, sem dúvida, dos mais delicados que a União Europeia tem em mãos — mais até do que a crise da Zona Euro e da Grécia —, devido às possíveis consequências duradouras nas sociedades europeias. Nada indica que a dimensão da…read more →

Sob capa de refugiados, 4.000 militantes do Estado Islâmico penetraram na Europa

O jornal britânico Sunday Express, alegando um agente do Estado Islâmico, escreveu que mais de 4.000 combatentes do Estado Islâmico penetraram na Europa sob a capa de refugiados. Segundo a fonte, os membros da organização terrorista infiltram-se no fluxo de migrantes nas cidades turcas, a partir das quais através do mar Mediterrâneo estes chegam à Itália e depois disso à Alemanha e Suécia. O agente do Estado Islâmico contatado pela edição afirmou que a infiltração dos militantes é o início…read more →

Quem financia o Estado Islâmico? Desvendando o exército do terror

Cristãos, yazidis e turcos estão entre os mais perseguidos pelo Estado Islâmico, grupo dissidente da Al Qaeda que ocupou grandes partes do território do Iraque e da Síria. Eles estão mirando sistematicamente homens, mulheres e crianças baseados em sua filiação religiosa ou étnica e estão realizando impiedosamente uma limpeza étnica e religiosa generalizada nas áreas sob seu controle. O Estado Islâmico surgiu em 2006 depois da invasão dos EUA e seus aliados ao Iraque, com sobreviventes da Al Qaeda no…read more →

“O Islã é a religião da guerra”, declara líder do Estado Islâmico

(ACI/EWTN Noticias).- Em um vídeo divulgado recentemente, Abu Bakr Al Baghdadi, líder do grupo terrorista Estado Islâmico (ISIS), assegurou: “Juntar-se à luta é um dever de todos os muçulmanos. Pois o Islã nunca foi uma religião de paz. O Islã é a religião da guerra”. No vídeo –uma gravação que dura 35 minutos com fotos do líder muçulmano–, Al Baghdadi, diz estar gravemente ferido e convida os muçulmanos a unirem-se à guerra do ISIS onde quer que estejam, e declarou:…read more →

Terroristas islâmicos matam 150 cristãos em universidade no Quênia

GARISSA (QUÊNIA) – Pelo menos 147 pessoas morreram na quinta-feira santa, a maioria deles estudantes, no ataque da milícia islâmica Al Shabab à Universidade de Garissa, no leste do Quênia e próxima da fronteira com a Somália. A informação é das Autoridades de Emergência do Quênia. Este organismo internacional informou através do Twitter de que quatro terroristas foram mortos. Segundo o “El País”, os terroristas invadiram as residências dos estudantes e sequestraram um número indeterminado de reféns. Aproximadamente “500 estudantes foram…read more →

Suécia – a capital ocidental dos estupros

Em 1975 o parlamento sueco decidiu, por unanimidade, mudar a homogenia da Suécia de outrora em um país multicultural. Após quarenta anos as dramáticas consequências desse experimento estão emergindo: crimes violentos aumentaram 300%. Se examinarmos os números de estupros, o aumento é ainda pior. Em 1975 foram prestadas queixas à polícia de 421 estupros, em 2014 foram 6.620. Um aumento de 1.472%. A Suécia já está em segundo lugar na lista global de estupros. De acordo com um levantamento de 2010…read more →

O Estado Islâmico leiloa meninas cristãs como escravas sexuais

Rotineiramente, as notícias relacionadas à organização extremista muçulmana Estado Islâmico (EI) geram horror no mundo ocidental. O principal motivo para isso é que seus membros tentam impor a lei sharia para todos os que vivem dentro de seus domínios. Invasão de cidades, massacre de moradores, crucificação e decapitação de cristãos são alvo de manchetes em diversos órgãos de imprensa e até o momento nenhum posicionamento oficial da Organização das Nações Unidas (ONU). Pelo contrário, quando os Estados Unidos e uma coalização de…read more →

O que está em jogo? O ocidente versus o Islã

O atentado de radicais islâmicos à revista francesa anarco-trotskista Charlie Hebdo, na quarta-feira passada, 07 de janeiro, mobilizou, para além da cobertura massiva de grandes redes televisivas como CNN, FOX News e Rede Globo todo um leque de discussões quanto ao futuro do cristianismo no Ocidente. Outro atentado, desta vez realizada pelo Boko Haram, também muçulmano, dizimou mais de 2 mil mortos na cidade de Baga, na Nigéria. O primeiro foi largamento divulgado, o segundo, praticamente silenciado. O grande conflito para o século XXI é mesmo…read more →

O porquê de eu não ser Charlie Hebdo

Um pensamento me passou sobre o terrorismo, analisando a atitude pela ótica dos islâmicos fanáticos: não se tolera a ofensa ao sagrado, sob pena de morte. Como nós, ocidentais, somos criaturas envolvidas numa cultura secularizadas e não sinceramente religiosas o suficiente (ou até cínicas), eles, contudo, vêem de forma diferente. Quem desrespeita a Alá não tem o direito de viver. Logo, os cartunistas que satirizavam virulentamente as religiões deveriam morrer. Mas o raciocínio aqui esconde dois grandes sofismas, que disfarçam…read more →

Os passos da tomada da Europa pelo islamismo

Quando o professor Olavo de Carvalho dizia, novamente, há dez anos ou mais, que existia um plano a longo prazo e muito bem arquitetado para a tomada tanto moral quanto biológica da Europa por parte dos Islâmicos, riram dele; para variar, o mesmo de sempre: Chamaram-no de maluco, conspiracionista e todo tipo de coisa. Hoje em dia, eis os números: Dos 50 mil combatentes do grupo ISIS, 20 mil deles vieram da Europa e demais países islâmicos. Dos que chegam…read more →