Alerj publica repúdio ao livro LGBT de Xuxa

Moção de repúdio de autoria da parlamentar Rosane Felix foi publicada nesta quinta-feira

A moção de repúdio da deputada estadual Rosane Felix (PSD-RJ) ao anúncio de um livro com conteúdo LGBT para o público infantil feito pela apresentadora Xuxa Meneghel, foi oficialmente formalizado nesta quinta-feira (6) com a publicação da medida no Diário Oficial da Assembleia Legislativa do Rio (Alerj).

Presidente da Comissão de Assuntos da Criança, do Adolescente e do Idoso da Alerj, a parlamentar afirmou que considera absurda a justificativa de Xuxa de que o assunto será apresentado de uma maneira “para que as crianças possam entender que o amor é mais importante”.

– Estão tentando acabar com a inocência das nossas crianças. Já não basta a pedofilia, a exploração sexual infantil? Deixem nossas crianças em paz! – disse a parlamentar na moção.

Rosane disse ainda que a liberdade de expressão não pode servir de justificativa para que menores de idade sejam expostos a conteúdos inadequados. A deputada ressaltou que uma criança precisa de maturidade para discernir sobre determinados temas.

– É necessário ter ética, respeito e responsabilidade. A criança ainda está em formação e por não possuir a maturidade necessária para determinados assuntos, deve estar protegida de qualquer conteúdo inapropriado a sua faixa etária. Criança não tem que ser induzida a pensar em sexo ou sexualidade, precocemente – afirmou.

No documento, a deputada ainda denuncia que a intenção de Xuxa com a obra “deixa claro a sua intenção de doutrinar as crianças através do livro, o que é um desrespeito às famílias que pensam de maneira diferente dela”.

Comentários

0 Comentário

Escreva um comentário




*