Auxílio Emergencial: 2ª parcela pode ser paga a partir de segunda-feira

Muitos brasileiros estão ansiosos para receber a segunda parcela do Auxílio Emergencial, anunciado pelo Governo Federal como forma de minimizar os impactos da pandemia do coronavírus. O anúncio do cronograma de pagamentos da segunda parceira do auxílio emergencial estava previsto para ser anunciado nesta sexta-feira, 08 de maio, mas ficou a cargo do presidente Jair Bolsonaro fazer o anúncio.

O pagamento da segunda parcela do auxílio emergencial tem previsão para iniciar na próxima semana. Onyx Lorenzoni, ministro da cidadania, informou ainda que na próxima semana deverá ser concluída a análise de mais de 17 milhões de pedidos lembrando que essa análise inclui os pedidos que foram refeitos pelo site e app. De acordo com Onyx Lorenzoni é de que cerca de 8 milhões de brasileiros estejam elegíveis na próxima segunda, 11 de maio.

De acordo com a Dataprev, empresa responsável pela análise das informações dos trabalhadores, até este domingo, 10 de maio, todas as solicitações feitas entre o dia 23 e 30 de abril devem ser finalizadas. Uma vez finalizada a análise, o prazo é de até três dias para que a Caixa Econômica Federal faça o pagamento da parcela.

Aqueles brasileiros que ainda não se cadastraram mas se encaixam nas condições para receber o auxílio emergencial poderão efetuar o cadastro até o dia 2 de julho, e terá direito ao recebimento das três parcelas do Auxílio Emergencial.

Meu pedido foi reprovado, e agora?

Inscritos no CadÚnico

Para quem é inscrito no Cadastro Único e foi reprovado para recebimento do benefício, basta solicitar uma nova análise pelo aplicativo ou pelo próprio site da caixa auxilio.caixa.gov.br.

Inscritos pelo Aplicativo

Se você se inscreveu pelo aplicativo e ainda se encontra em análise, aguarde a resposta até a próxima semana, pois é a previsão de liberação para todos que já fizeram a solicitação. Caso seu pedido seja atualizado com a informação “dados inconclusivos”, você poderá refazer a solicitação do benefício pelo próprio aplicativo.

Comentários

0 Comentário

Escreva um comentário




*