Estátua gigante de Mao Tsé-tung começa a ser demolida na China

A estátua do ditador chinês Mao Tsé-tung mal foi exposta aos holofotes da mídia mundial para começar a sofrer “avarias”. A enorme estátua de 36 metros, considerada a maior estátua de um ditador já construída e superior a pavorosa estátua do ditador norte-coreano Kim Jong-il com seus 22 metros, está sendo demolida – não exatamente pelo governo chinês, que já gastou cerca de 1,8 milhão de reais com o Mao Tsé-tung dourado. Foi construído na província de Henan, uma das mais afetadas pelo maoísmo, que entre 1949 e 1975 dizimaram mais de 50 milhões de pessoas com políticas de fome, cadeias e campos de trabalho forçados.

Mao-Tsé-tung-Portal-Conservador

De todo as informações são imprecisas, mas a demolição não-oficial da estátua está sendo concluída pelos danos constantes da população local da província.

Mao-tsé-tung-Portal-Conservador-2

As estátuas de bronze de 20 metros de altura de Kim Il-Sung e Kim Jong-Il na Coreia do Norte revelam o culto extremo aos “líderes da nação”, traço marcante do caráter norte-coreano, assim como a adulação quase histérica da população a seus militares.

Kim-jong-il-Portal-Conservador

Comentários

0 Comentário

Escreva um comentário





*