Coronavírus pode ter originado de um laboratório ligado ao programa de guerra biológica da China

De acordo com as informações da mídia The Washington Times, o Coronavírus pode ter sido originado de um laboratório na cidade de Wuhan que pode estar ligado ao programa de guerra biológica da China, conforme a fonte consultada, um especialista de Israel.

Conforme a notícia, a Radio Free Asia, na semana passada, transmitiu a informação de que em 2015, uma notícia televisiva mostrou um dos maiores laboratórios de pesquisas sobre vírus em toda a China, a chamada Wuhan Institute of Virology. É o único laboratório na China que é declarado oficialmente como capaz de trabalhar com vírus mortais.

Dany Shoham, um ex-oficial israelense da inteligência militar que acompanhava o programa chinês de guerra biológica, afirmou que o instituto está ligado ao programa secreto de armas biológicas.

Para o The Washington Times, Dany Shoham afirmou:

Certos laboratórios no instituto provavelmente engajaram, em termos de pesquisa e desenvolvimento chinês [de armas biológicas], pelo menos colateralmente, mas mesmo assim ainda não é o principal laboratório da área.

Ele ainda disse que “o trabalho de armas biológicas é conduzido por um trabalho duplo, de pesquisa por civis e militares”, sendo definitivamente uma operação “secreta”.

A fonte originária ainda declarou que Dany tem um doutorado em microbiologia médica. De 1970 a 1991 foi um analista senior na inteligência militar de Israel para assuntos de armas biológicas e químicas no Oriente Médio e mundialmente, além de ser um Tenente-coronel.

A China, obviamente, negou qualquer envolvimento em armas biológicas, porém, o Departamento de Estado americano revelou ter suspeitas de operações biológicas secretas.

O jornal tentou entrar em contato com a Embaixada Chinesa, porém, não obteve sucesso. As autoridades chinesas também afirmaram que não sabem a origem do Coronavírus.

Gao Fu, diretor do Chinese Center For Disease Control and Prevention, afirmou, para uma mídia 100% estatal, que o vírus pode ter tido sua origem nos mercados de animais selvagens e marítimos.


Tradução feita pelo periódico POLITZ – Tradução da reportagem do The Washington Post, porém, recomendamos sempre que o(a) leitor(a) acesse as fontes primárias que sempre divulgamos em todas as nossas postagens, para que seja possível conferir, com os próprios olhos, as origens de nossas reportagens, transmitindo-as de forma responsável para o restante da sociedade.

Comentários

0 Comentário

Escreva um comentário




*