Notícias

Milão organizou campanha “Abrace um chinês” em fevereiro

A cidade hoje conta mais de 4.800 mortes mesmo com quarentena. Jornalistas culpam dias de trabalho sem citar a campanha “anti-racista” No mesmo dia em que a Secom da presidência lançou a campanha O Brasil não pode parar, o prefeito de Milão, na Itália, pediu desculpas, afirmando que a campanha “Milão não pode parar” foi um erro. A cidade conta, hoje, com 4.800 mortes em decorrência do coronavírus. Como um dog whistle lamentavelmente viralizado, vozes que defendem quarentena obrigatória, imposta…read more →

Justiça Federal no RJ suspende trechos de decreto presidencial que prevê atividades religiosas e lotéricas como serviços essenciais

Decisão desta sexta-feira (27) é da 1ª Vara Federal de Duque de Caxias. Ministério Público Federal solicitou à Justiça a suspensão das atividades durante pandemia do novo coronavírus. A Justiça Federal no Rio de Janeiro suspendeu os efeitos do decreto do presidente Jair Bolsonaro definindo como serviço público essencial atividades religiosas e o funcionamento de casas lotéricas. A decisão desta sexta-feira (27) é da 1ª Vara Federal de Duque de Caxias. A determinação atende a pedido do Ministério Público Federal…read more →

Com uma morte por covid-19, Santa Catarina desiste da quarentena

O governador Coronel Moisés vai permitir reabertura do comércio, shoppings, bares, restaurantes, lotéricas e setor hoteleiro a partir da semana que vem O governador de Santa Catarina, Coronel Moisés, anunciou nesta quinta-feira (26) que vai autorizar a retomada da atividade econômica do Estado a partir da semana que vem. O Estado permanece em quarentena desde o último 17 como uma estratégia para tentar conter o avanço do coronavírus, que já matou uma pessoa e infectou 149 em Santa Catarina. Em…read more →

Coronavírus: Tráfico ordena cancelamento de bailes funk em favelas

Bailes funks em diversas favelas do Rio de Janeiro foram cancelados por ordem de traficantes. As determinações começaram na sexta-feira passada e se estendem até o próximo final de semana a fim de evitar aglomerações e a proliferação do novo coronavírus. As informações são do jornal Extra. Duas facções diferentes que atuam no estado do Rio foram responsáveis pelas ordens. Para anunciar o cancelamento do baile funk que aconteceria na favela da Palmeirinha, em Duque de Caxias, no último sábado,…read more →

Sem ações, faltará UTI para 42 mil

Modelo matemático simula impacto da epidemia de Covid-19 nos sistemas de saúde estaduais Quase 42 mil brasileiros com quadro grave de Covid-19 ficariam sem vaga na UTI, e mais de 37 mil sem respiradores, caso a epidemia atingisse uma parcela da população comparável à alcançada em Wuhan, na China, e caso a disseminação do novo coronavírus tivesse velocidade semelhante, sugere um novo modelo matemático que simula a saturação do sistema de saúde brasileiro. Nesse cenário, a primeira onda da epidemia…read more →

Coronavírus: O que é melhor? Deixar a epidemia seguir ou achatar a curva?

Por mais alta que seja a taxa de mortalidade do coronavírus (também chamado Covid-19), a resposta do governo à ameaça é ainda mais perigosa. Se o atual bloqueio da vida econômica continuar, mais pessoas morrerão pelas contra-medidas do que pelo próprio vírus. Em pouco tempo, o fornecimento básico de bens do dia-a-dia estará em risco. Ao interromper as cadeias globais de transporte suprimentos de medicamentos importantes logo vão faltar; até mesmo a oferta de alimentos estará em risco. É assim…read more →

Ministro da Saúde é contrário ao isolamento vertical proposto por Bolsonaro

O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, disse a aliados que não vai aceitar o isolamento vertical, de idosos e pessoas com doenças, proposto pelo presidente Jair Bolsonaro. O ministro reforçou que quer manter o isolamento social generalizado, como está ocorrendo no momento, a fim de evitar a propagação do coronavírus. Nesta quarta-feira (25), ao deixar o Palácio da Alvorada, Bolsonaro disse que vai conversar com Mandetta para rever a orientação do Ministério da Saúde. Já o ministro, diz o…read more →

Quarentena, isolamento, discurso de Bolsonaro, ‘gripezinha’

Apesar do discurso horrível do Bolsonaro (o que não faz ter saudade dos discursos da Dilma), a tentativa de mostrar que a gripe precisará ser superada no “pós quarentena” é relativamente positiva, mas foi abordada de forma muito rasa e infantil, com até intriguinha com médico X ou mídia Y. Entendo como vacilo dele no pronunciamento do dia 24.03.20: – ir contra as próprias recomendações da equipe dele em colocar em dúvida a restrição de crianças para não irem à…read more →

Em Minas, funerária recebeu no fim de semana 23 corpos cuja causa de morte foram problemas respiratórios

Autoridades policiais abriram investigação sobre um boletim de ocorrência (BO) registrado pela Polícia Civil de Minas Gerais indicando que uma funerária de Belo Horizonte recebeu 73 cadáveres entre a sexta-feira (20) e a noite de domingo (22). Segundo o BO, foi informado que os laudos cadavéricos mostram que pelo menos 23 desses corpos tiveram como causa da morte problemas respiratórios graves — como “insuficiência respiratória aguda”, “pneumonia crônica” e “pneumonia aspirativa” — e que o laudo de um deles indicava…read more →

Covid-19: cemitérios e funerárias se preparam para aumento da demanda

Associação enviou ao Ministério da Saúde protocolo de procedimento (23.03.2020 – AGENCIA BRASIL) Preocupadas com o aumento da demanda e com os riscos decorrentes do novo coronavírus (covid-19) no Brasil, as empresas funerárias elaboraram um protocolo de procedimentos visando minimizar o risco de contágio durante atividades como remoção dos mortos; contratação do serviço funerário; preparação dos corpos; homenagens póstumas; sepultamento e cremação. De acordo com a Associação Brasileira de Empresas e Diretores do Setor Funerário (Abredif), entidade que representa mais…read more →